Logo


VocĂȘ estĂĄ em: Inicial > noticias > mhud-na-midia > exibir.php

 
Maximizar


Nota do GREENPEACE sobre Dom Cappio



01/12/2007

Bispo Cappio completa mais de  10 dias de greve de fome contra transposição do Rio São Francisco, no Brasil

Projeto de transposição do rio São Francisco, do governo federal, é caro - R$ 4,5 bilhões - e não resolve o problema da seca no Nordeste brasileiro.

 É a segunda vez em dois anos que o religioso protesta contra o projeto do governo federal, criticado por ser caro e ineficaz contra a seca.

Há dois anos, ele já tinha ficado 11 dias sem comer para alertar a opinião pública sobre o grande erro que estava para ser cometido. Apesar dos inúmeros protestos de entidades da sociedade civil, o governo estava disposto a gastar R$ 4,5 bilhões no projeto que pretende ligar a bacia do rio São Francisco com as bacias hidrográficas do Nordeste setentrional.

O ato de D. Cappio chamou a atenção da opinião pública e conseguiu interromper o projeto. O governo reabriu o debate para discutir sobre a melhor forma de usar o rio São Francisco no combate à seca na região.

Dois anos se passaram, a discussão não andou e o governo retomou a obra no estado da  Bahia, onde vive o Bispo,com os homens do Exército iniciando os trabalhos em junho deste ano.

D. Cappio não viu outra alternativa a não ser retomar a greve de fome. O jejum já completou dez dias e o padre já está debilitado, tendo que tomar soro para minimizar a desidratação que vem sofrendo.

O que o bispo D. Cappio  mais critica no projeto de transposição do rio São Francisco é o fato dele ser caro e ineficaz para combater a seca, atendendo mais as demandas de cidades que já contam com bom abastecimento de água.

O Presidente Lula já disse que está em jogo a vida do Bispo contra a vida de 12 milhões de brasileiros que ele afirma serem os que serão beneficiados pelo projeto do Rio São Francisco. Resta saber se o Presidente Lula vai deixar o Bispo morrer!

EM INGLÊS:

Bishop Cappio completes more 10 days of hunger strike against  the São Francisco River transposition project in Brazil.

São Francisco River transposition project  of the Federal Government  - R$ 4,5 billion and will not solve  the  drought  in the Brazilian  Northeast.

It is the second time in two years that Bishop Cappio protests against the Federal Government project criticizing that project is  expensive and not efficient against the drought.

Two years ago he stayed 11 days without eating to alert the public opinion about the big mistake that will occur. Besides many protests , the government was willing to spend R$ 4,5 billion in  this project. The government had planned to divert water from the Sao Francisco river to the north-east's drought-prone regions.

Cappio´s act called attention  of the public opinion and stop the project. The government re-open the discussion to see the best way to use  São Francisco river against the drought.
The government started again the construction in Bahia State where Bishop Cappio lives. Man in the army started the work in June of this year.

Bishop Cappio did  not see another alternative and started the hunger strike again. This hunger strike  has 10 days and Bishop is becoming weaker and needs serum  to minimize  the dehydration that he is suffering

His biggest criticism is that the project is very expensive and will not help people and will attend the cities which has a good supply of water.
President Lula says that what is at stake is the life of the Bishop against the life of 12 million Brazilian people in which he said that will be the beneficiary of this project. Now we need to know if President Lula will let the Bishop die !

 



Rede Social
Youtube
Facebook
Twitter
 
Movimento Humanos Direitos ® Todos os direitos reservados. PolĂ­tica de Privacidade. Mapa do Site.
Desenvolvido por MelhorWeb Tecnologia