Logo


VocĂȘ estĂĄ em: Inicial > agenda > exibir.php

 
Maximizar


Agenda RIO+20



13/06/2012 12:40:09

 

 

AGENDA DA CONFERÊNCIA

 

13 – 15 Junho

Reuniões Preparatórias

• Pré-negociação do Texto Político

 

16 – 19 Junho

Diálogos da Sustentabilidade

Oito temas: água, oceanos, energia, segurança

alimentar, inovação, cidades, economia do

desenvolvimento sustentável, e trabalho e migrações

 

20 – 22 Junho

Reuniões

• Negociação do Texto Político: Declaração da Rio+20

CREDENCIAMENTO GERAL

 

O acesso ao Riocentro, local oficial da conferência, depende

de credenciamento junto às Nações Unidas. Mais

informações podem ser obtidas no portal oficial da

conferência: www.uncsd.org/rio20

 

Organizações não-governamentais e outros Major Groups

com status consultivo no Conselho Social e Econômico das

Nações Unidas (ECOSOC) já podem fazer o précredenciamento

de seus representantes para a Rio+20.

 

O prazo termina no dia 20 de maio.

 

Barra da Tijuca

 

Riocentro

Perímetro restrito às Nações Unidas, no qual serão realizadas as sessões

plenárias e negociações oficiais da Conferência. Espaço para eventos

paralelos coordenado pelas Nações Unidas

 

Parque dos Atletas

Local de exposição de países, Unidades da Federação, Governo Brasileiro,

Governo do Rio de Janeiro, SEBRAE

 

Autódromo

Local de concentração e exposições da sociedade civil

 

Arena da Barra

Local para atividades da sociedade civil e ponto de retransmissão de

atividades do Riocentro e dos outros espaços

 

 

Parque do Flamengo

 

MAM – Museu de Arte Moderna

Térreo e arredores: área para Governo brasileiro e sociedade civil

1º pavimento: exposição temática

Arena Socioambiental. Coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento

Social.

 

Vivo Rio

Área para eventos, debates e atividades da sociedade civil e ponto de

retransmissão de atividades do Riocentro e dos outros espaços

 

Parque do Flamengo

Área de atividades da sociedade civil e exposições.

 

 

Centro

 

Píer Mauá

Quatro armazéns a serem utilizados para feira de inovação tecnológica e

outras atividades

 

Galpão da Cidadania

Espaço reservado para atividades culturais e de inclusão social

 

 

ESPAÇOS E CONTEÚDOS

JARDIM BOTÂNICO

 

• Será realizado um Ciclo de Debates, no período de 1º a 14

de junho.

 

• Espaços:

- Solar da Imperatriz (80 pessoas)

- Espaço Tom Jobim (400 a 500 pessoas)

 

• Principais características:

- Foco Nacional;

- Parceria inter-institucional;

- Formato Talk-Show;

- Plateia selecionada;

 

CICLO DE DEBATES

 

Temas:

1. Juventude e sustentabilidade

2. Mulheres e sustentabilidade

3. Consumo e Produção Sustentáveis

4. Florestas

5. UCs e Biodiversidade

6. Resíduos Sólidos e Reciclagem

7. Inclusão Financeira e Sustentabilidade (MF, BACEN)

8. Químicos

9. Empreendedorismo verde – MPEs (SEBRAE)

 

Coordenação: ASCOM

Participação: entidades parceiras e unidades técnicas do MMA

PARQUE DOS ATLETAS

 

• ESPAÇO BRASIL - Pavilhão de exposições que será

utilizado para a apresentação, de forma artística e

interativa, das experiências e políticas

governamentais associadas ao desenvolvimento

sustentável. O conteúdo desse espaço está sendo

coordenado pela Casa Civil junto a todos os

ministérios e órgãos governamentais

 

Coordenação: Casa Civil

Execução: APEX/MDIC.

EIXOS DE CONTEÚDO ESPAÇO BRASIL

 

1. Inovação Tecnológica e produção sustentável;

2. Pobreza, Inclusão Social, Cidadania e participação

política;

3. Energia e Infraestrutura;

4. Turismo, Grandes Eventos e Cultura;

5. Meio Ambiente: Desmatamento, Fundo

Clima, Fundo Amazônia, ARPA, Acesso a

recursos genéticos, Bolsa Verde, CAR, Água

 

 

Arena Sócioambiental

 

ESTRATÉGIA

 

• Debates Globais: discussões presenciais e virtuais com representantes

governamentais, de movimentos sociais, do terceiro setor, acadêmicos,

comunicadores, beneficiários etc.

• Exposições Multimeios: mostras interativas sobre estratégias e resultados das

políticas de desenvolvimento social brasileiras, em especial, o Plano Brasil Sem

Miséria.

• Atividades Multiculturais: curadoria de grupos artísticos populares engajados nos

temas de inclusão social.

• Oficinas Educativas: atividades da Arena Social em comunidades do Rio de Janeiro.

• Café: espaço anexo à Arena Social para comercialização de refeições rápidas

elaboradas com produtos da sociobiodiversidade.

• Praça da Sociobiodiversidade: espaço de exposição e comercialização de produtos

da sociobiodiversidade organizado por biomas.

 

Coordenação: MDS

Ministérios Participantes: MMA, MDA, SEPPIR, SPM, SDH e SG/PR

Arena Socioambiental Parque do Flamengo

 

 

 

PARQUE DO FLAMENGO

 

• No Parque do Flamengo, estarão concentradas as

atividades da sociedade civil, como a Cúpula dos

Povos. Assim, o governo brasileiro terá espaço

dedicado à agenda de inclusão.

 

Conteúdo do MMA: CAR, Segurança Hidrica,

Desertificação, Bolsa Verde, Educação Ambiental e

Reciclagem.

 

Eventos MMA: i) Oficina de Manejo Florestal

Sustentável de Uso Múltiplo Integrado da Caatinga

(SEDR) e ii) Reunião da Comissão Nacional de

Desenvolvimento Sustentável de Povos e

Comunidades Tradicionais

RIOCENTRO

 

• No Riocentro se realizarão os chamados

“eventos oficiais” da Conferência:

i) PrepCom

ii) Diálogos para o Desenvolvimento

Sustentável

iii) Segmento de Alto Nível

iv) “On-site Side Events”

Diálogos para o Desenvolvimento Sustentável – DDS

 

TEMAS:

1. segurança alimentar

2. desenvolvimento sustentável e erradicação da pobreza

3. desenvolvimento sustentável para enfrentar a crise econômica

4. Energia

5. Água

6. Oceanos

7. Economia para o desenvolvimento sustentável - produção e consumo

sustentáveis

8. Cidades sustentáveis e inovação

9. Desemprego, emprego decente e migrações

Coordenação: MRE

Diálogos para o Desenvolvimento Sustentável – DDS

 

8-10 panelistas de renome internacional (ganhadores de prêmio nobel, ex-chefes

de estado, cientistas de notório conhecimento especializado, etc), que não sejam

de governo ou de organismos internacionais.

80 debatedores

2000 ouvintes

 

• Nomes de panelistas e debatedores serão identificados a partir de sugestões

recebidas de Organismos Internacionais e Governos. ASRIO consultou áreas

técnicas do MMA e já encaminhou contribuições ao MRE.

 

• Ainda não está definido como será a forma de seleção da platéia maior, mas sabese

que deverá prezar por critérios de representatividade regional, de gênero, áreas

de atuação e etc.

 

• Os DDS serão precedidos por amplo debate moderado por meio de plataforma

virtual, hospedada pela ONU, com aproximadamente 200 mil usuários

credenciados. O debate virtual possibilitará identificação e votação de

recomendações, as quais alimentarão o debate presencial.

LINKS DE INTERESSE

 

http://www.uncsd2012.org/rio20/ (site oficial da ONU)

 

http://www.rio20.info (site oficial da ONU – português)

 

http://www.rio20.gov.br (site oficial do governo brasileiro para a Rio+20 – português)

 

http://hotsite.mma.gov.br/rio20 (site do MMA para a Rio+20)

 

http://hotsite.mma.gov.br/mulheresrumoario20/

 

 

 



Rede Social
Youtube
Facebook
Twitter
 
Movimento Humanos Direitos ® Todos os direitos reservados. PolĂ­tica de Privacidade. Mapa do Site.
Desenvolvido por MelhorWeb Tecnologia